Loading...

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Deixa

Me deixa ser egoísta.

Me deixa fazer você entender que eu gosto de mim e quero ser preservada.


Me deixa de fora de suas mentiras e dessa conversa fiada.


Eu sou uma espécie quase em Extinção: eu acredito nas pessoas.


E eu quase acredito em você.


Não precisa gostar de mim se não quiser.


Mas não me faça acreditar que é amor, caso seja apenas derivado.


Não me diga nada. (Ou me diga tudo).


Não me olhe assim, você diz tanta coisa com um olhar.


E olhar mente, eu sei! E eu sei por que aprendi.


Também sei mentir das formas mais perversas e doces possíveis."
Ah como quero te encontrar novamente
Estou sozinho procurando você
Ah como quero te abraçar loucamente
Olhar dentro dos teus olhos e dizer...
Não vivo sem você
O tempo passa cai a noite,
O dia vem
Tento fingir mas não dá
Pra esconder
Ah eu sonhei nas noites vagas,
Com teu amor
Provei teu beijo, magoei
Minha dor
Tentei te esquecer, não deu
Pensei que fosse mais forte
Que esse amor
Ó minha paixão, sou teu
Por mais que eu queira
Disfarçar como estou
O meu coração,
Se nega aceitar
Passa o tempo eu não esqueço de te amar.

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Quero te esquecer, mas não consigo.
E esse silencio que fica não apaga você de mim.
Cada vez mais quero te ter, quero te ver.
Só de pensar em sua ausência fico triste.
Preciso te esquecer para não sofrer.
Mas já estou sofrendo...
Cada hora, cada minuto são precisos.
E eu quero mas não consigo, o que fazer...
Na minha vida você foi o paraíso.
Uma vontade sem sentido.
Você foi uma estrela linda, que apareceu
na minha vida.
Mas que tantas coisas estão fazendo com
que ela perca o brilho.
Teu cheiro está em mim.
Nossos momentos estão marcados.
Mas nossos sonhos foram calados.
Preciso muito! para que eu não sofra.
E para não te ver sofrer...
Eu não quero...
Mas preciso te esquecer..

Em busca do meu eu

Em busca de mim...
Vou correr atrás da minha vida
Buscar meu pedaço que ficou pra trás
Pegar minha mão que deixei naquela praia
Abrir meus olhos que fechei naquela esquina
Ouvir e dançar a música daquele dia
Sentir você bem perto como naquela tarde
Amar demais como naquela noite
Vê-la ir embora como aquela hora
Ver cair meus pedaços naquela calçada
E voltar a ser o que sou
Querendo de volta o meu...passado.

frio na alma

Quanto frio nessa distância
um fala o outro se cala
como so um pode expor
o seu amor
Se o amor é prá se vivido a dois
meus olhos se fecham
sinto um frio vindo do seu interior
sua frieza aos poucos me afasta
nada nem uma palavra nem um oi
minhas palavras, escrevi em vão...
meus olhos aos poucos se fecham
Seus olhos sempre estão abertos
me perco em seu olhar...
ainda tenho desejos
até quando continuarei a me perder
sera que ate quando vou depender
do seu doce sorriso.
Afinal é foto e esta fria...tão fria
E você na distância ao longe
Nossas vidas se perdem na distância
o vazio da sua alma me afasta
Silêncio... nem uma palavra

Coração

O que rasga um coração não é a dor da ferida aberta
é descobrir que uma mão amiga o cortou.
Não é sentir que não se conquistou.
é entender que simplesmente, se perdeu.
O que rasga um coração não é sofrer uma desilusão
é olhar pra trás e descobrir que se viveu de ilusão.
Não é sentir saudade..
é perceber que não deixou aos outros
nenhum rastro dela.
O que rasga um coração não são palavras ferinas
é o silêncio cortante do desprezo.
Não é chorar as decepções
é descobrir que lágrimas não rolam mais.
O que rasga um coração não é a solidão
é saber que uma multidão pode ser nada!
Não é deixar de receber
é lamentar ter doado demais.
O que rasga um coração

não é
entender que nada fez
é saber que nada foi!
Não é um dia ter precisado de alguém
é saber que ninguém precisa da gente

sábado, 26 de junho de 2010


E quantos já passaram?E quantos passarão?Não sei, perdi meu passado.E não sei do meu futuro.Mal sei do meu presente.Vou vivendo o momento.Do que fui, não quero saber!Do que serei, deixe acontecer!Nada é certo.Toda a vida, cada passo nos reserva,Um futuro que é incerto.E para que pensar se ainda vai acontecer?Esqueça o tempo,Comece a viver.

Não é o corpo que une o caminho que trilho na linha do nosso encontro. É o tempo. O tempo em que te bebo na luz que o teu sorriso me concede de olhos fechados, a demora doce do tamborilar dos teus dedos trémulos envolvendo a chama do meu peito. É o tempo. Esse tempo incerto e expectante que me ofereces na carícia ardente da tua boca, como se o beijo fosse eterno e nunca morresse nos teus lábios. É a espera audaz sem procura do meu olhar que o teu calor me contamina, me afaga e me acende o teu desejo. É o tempo. O tempo que perdura o afecto derramado na entrega, que absorve mas não extingue, apaixona, prende, reinventa e sente. É o tempo. O tempo que se esvai, que trilha linhas de despedida e encontro nos caminhos da tua ausência...editar ''A inveja é sua forma incompetente de me admirar.''

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Imortal


Serei eu imortal ainda que morra
Vivendo na noite escura
Assombrando seus pensamentos
Atiçando seus desejos
Serei eu imortal ainda que morra
Tomarei a sua alma
E viverei sempre em seu coração
Serei eu imortal ainda que morra
Pois estarei sempre ao seu lado
Vivendo em seu mundo
Num eterno delírio
Ainda que a noite se torne dia
Serei eu imortal
Pois estarei em meus versos
Em cada palavra que eu escrevi
Ainda que viva na noite escura
E morra no dia claro
Serei eu imortal
Pois me instalei em sua mente
E viverei em suas lembranças
E falaras de mim a todo o seu legado
Os quais sempre se lembrarão de mim
Enfim serei eu imortal.

Imortal


Não atravesses o meu coração a pé.
Peço-te que venhas num barco a remos.
Deixa a âncora no ventrículo esquerdo,
fundeia um mastro, no ventrículo direito.
Esculpe nele o teu nome e o meu.
Abre nas minhas veias o nosso céu.
Ando obesa de tanto te pensar.
No meu sangue coalham saudades tuas,
já fiz submergir o lodo das amarguras,
já encontrei o destino onde te desaguar.

O homem precisa ser mais mulher
e a mulher já é mais homem
é mais sensível e masculina e feminina
é mais humana e mulher
o homem precisa ser mais poeta
e a mulher já é a poesia
é a guerreira fantasma interior
é a viagem aos outros mundos
e doce e carinhosa e homem
a mulher precisa ser mais noite
e dia e vida e morte apenas
e inconstante na imprecisão do homem
ser mais cosmos e infinita e natureza
ser o mesmo homem que é a mesma mulher
vontade crescente de estar amando
eles precisam ser mais amor

Esqueço minhas derrotas
Meus momentos tristes
Minhas fraquezas
E minhas incertezas

Deixo pra traz o que e a quem me fez mal
Vou em busca de quem me faz bem
Não deixo o sofrimento ser um ritual
Não deixo abater-me por ninguém

Já sofri calada
Já expus minha felicidade
Não sofro por não ser amada
Apenas não sobrevivo a falsidade

Hoje vivo a realidade
De deixar quem me trair
Seja um amor ou uma amizade
Já sei a hora de sair

Aprendi a viver com quem me ama
Ser feliz da forma que vida faz
Largar quem me engana
E amar quem a felicidade me traz!

Hoje eu queria compreensão,
ternura e um pouco de razão,
Queria um sorriso gostoso
despretensioso,
Um abraço doado, apertado,
sensibilizado.
Um Te amo de coração...
Eu só queria dentro do
mundo com tanta gente ,
Ter o imenso prazer, de pelo
menos à alguém dizer:
Por ti vale todo meu viver!
Eu, Simplesmente queria...
Você!!!


Você é como o sangue que corre

em minhas veias, me alimenta e

me faz ressurgir diante da vida.

Me faz delirar mesmo nos meus

pensamentos e me domina como

se eu fosse uma criança perdida.

Pode ser que entre nós
Não exista quase nada
Que os olhares que nós demos
Nunca virem duas palavras

Pode ser que tudo é vão
Que assim é vã a espera
Pode ser que entre nós
Nunca existam primaveras

Pode ser que o nosso encontro
E sua grande infinitude
Nunca passe de quimera
Seja apenas - gesto rude

Pode ser que seja isto
Pode ser um pouco mais
Mas até eu concluir
Esse amar é minha paz


Não é apenas só
que estou me
sentindo..
É muito pior:
- estou me sentindo
sem você...


"Não, meu bem, não adianta bancar o distante:

vem o amor nos dilacerar de novo.."


(Caio Fernando Abreu)
http://lh4.ggpht.com/_FL6qlgbwO9Q/S-7wtjVvXUI/AAAAAAAACkE/3oIQeU-xc3E/s800/meninab.png
Preciso não dormir
Até se consumar
O tempo da gente.
Preciso conduzir
Um tempo de te amar,
Te amando devagar e urgentemente.

Pretendo descobrir
No último momento
Um tempo que refaz o que desfez,
Que recolhe todo sentimento
E bota no corpo uma outra vez.

Prometo te querer
Até o amor cair
Doente, doente...
Prefiro, então, partir
A tempo de poder
A gente se desvencilhar da gente.

Depois de te perder,
Te encontro, com certeza,
Talvez num tempo da delicadeza,
Onde não diremos nada;
Nada aconteceu.
Apenas seguirei
Como encantado ao lado teu.

terça-feira, 15 de junho de 2010

esquinas


"Dobrei todas as esquinas
Fugindo do teu olhar
Amordacei emoções, carinhos
Sequei meu pranto,
Segui por estradas íngremes
Deixando meus rastros de solidão
Engoli tuas regras, prescrições
Em seco, cruzei pântanos
Arrisquei-me, escalei montanhas
Fechei os olhos, diante do medo
Perdia-me de mim, sofria
Fui me deixando, sombra
Pássaro cativo em céu aberto
Queria-te, abraçava-te no meu frio
Nos lençóis do meu pensamento
Cobria meu corpo com o teu
Pedi ao tempo guarida
Deitei-me no colo da esperança
Espera infrutífera, inútil
Não voltaste para sonhar comigo
Mas ainda agora, meu coração
Teima em dizer: te amo!"


Escondo no mais lindo dos sorrisos
As lágrimas que por ti chorei;
As noites que por ti velei
E todo tempo que te amei.

Guardo na canção romântica
Os beijos que não te dei,
As juras de amor que não falei
E todo tempo que te amei.

Mas são nas madrugadas de sábado
Que tua ausência é mais doída
Que a canção é mais sentida

E que escondo nos meus sonhos
Toda tristeza que passei
E todo tempo que te amei.


Nunca fui como todos
nunca tive muitos amigos
Nunca fui favorita em nada
Nunca fui o que meus pais queriam
Nunca tive alguem que me amasse
Mas tive somente a mim
A minha absoluta verdade
Meu verdadeiro pensamento
O meu conforto nas horas de sofrimento
Não vivo só pq eu gosto
E sim pq aprendi a ser só!!


Eu não conheço o tom do teu olhar
mas sei que ele possui todas as gamas dos meus sonhos...
Eu não conheço o som da tua voz
mas sei que ele é capaz de me fazer feliz de novo ...
Eu não conheço o bem do teu sorriso
mas sei que ele é a paz, razão dos meus desejos...
Eu não conheço as formas do teu corpo,
mas sei que ele é o abrigo, o ninho, enfim: ele é o meu porto.
Eu não sei onde estás,
eu não sei onde andas,
eu não sei em que horas virás,
nada sei ...
Mas,
no dia em que eu me achar no teu olhar,
haverás de saber que eu sempre te amei.

Não se aproxime



Não se aproxime,
Não quero me apaixonar,
Quero chorar!

Chorar só,
Só eu e minha alma,
Temos que conversar,
Nos acertar.

Aprender a amar,
Mas não se aproxime,
Apenas olhe para o céu,
Veja as estrelas, como brilham!

Brilham tanto, parece até quanto te olho,
Agora veja o mar,
Imenso belo e azul,
Como meu amor por você.

Mas não se aproxime,
Antes olhe uma semente,
Feche os olhos e me beije,
Abra os olhos e veja.

Nosso amor cresceu,
Não deixe ele morrer,
Se morrer...

Fique longe,
Não se aproxime!

Amor de verdade


que será que sinto por você?
É uma mistura de amor e ódio,
Que vem em conflito,
Quero te amar, mas não quero sofrer,
E se no seu jogo eu entrar sei que irei me perder.

Estarei pedindo pra morrer,
Você não soube me amar,
Não sabe nem o que é o amor,
O que guarda é rancor.

Quero ser feliz,
Quero amar, sonhar, desejar...
Onde será que se esconde?
Por onde será que vaga?
Será que ela existe?
Perguntas sem resposta,
Sou um poeta abandonado,
Como um navio naufragado,
Digo até, que sou um homem desalmado.

Quero chorar na solidão,
Me afogar nas lagrimas da paixão,
Quero cair num abismo profundo,
Quero cair na realidade,
Deixar de vez a utopia,
E confiar na humanidade,
Enfim, quero um amor de verdade!

Quando você me quiser
quando você me amar
quando comigo sonhar
quando você me disser
que precisa de mim
que me quer mesmo assim
assim como eu te quero
do mesmo jeito que eu espero
teus lábios de novo beijar.
Quando você entender
que com você eu sonhava
que antes de te ver já te amava
que sempre te procurava
em todos os lugares que fosse
e em teus beijos doces
eu já me imaginava.
Quando você me falar
que vai ao menos tentar
me amar
e que em mim vai pensar
e que vai me procurar
aí então eu garanto
que em toda sua vida
meu querido
ninguém vai amá-lo tanto!

criança


Não digamos "não", nem "nunca mais"...
não digamos "sempre" ou "jamais"...
digamos, simplesmente: "ainda"!...
Ainda nos veremos um dia...
Ainda nos encontraremos na estrada da vida...
Ainda encontraremos a pousada,
o afeto almejado, a guarida...
Ainda haverá tempo de amar,
sem medo, totalmente... infinitamente...
sem ter medo de pedir, de implorar,
ou chorar...
Ainda haverá tempo,
para ser feliz novamente...
Ainda haverá tristeza,
ainda haverá saudade,
ainda haverá primavera,
o sonho, as lembranças...
Ainda haverá alegria,
apesar das cicatrizes...
Ainda haverá esperança,
porque a vida ainda é criança.

Sonhei a Paz existir!...
Tão tua me fiz,
que te sufoquei de amor.
E te libertaste enfim... Eu te perdi.
Voaste alto em busca da felicidade
Que nunca encontraste aqui.
Tu te foste, mas continuarás
Sempre dentro de mim:
Mesmo negando me ver,
Mesmo não ouvindo minha voz,
Nem sentindo meu abraço.
Mesmo não me amando mais,
- se é que um dia me amaste...
Continuarei aqui,
Vivendo por ti.

homem


MEU AMOR
MEU HOMEM
QUE ME FAZ MULHER
M
E LEVA EM LUGARES DESCONHECIDOS

ME ME TRAZ DE VOLTA AO MEU MUNDO

MEU ANJO
QUE PROTEGE DE TODA DOR

QUE HABITA MINHA INOCENCIA

MEU AMIGO
QUE ME OUVE

QUE ME FAZ RIR

QUE ME ACONSELHA

MEU COMPANHEIRO

QUE PERMANECE AO MEU LADO

QUE NUNCA DESISTE

QUE SEMPRE VOLTA

MEU AMANTE
QUE ME FAZ TER DESEJOS INCONFESSAVEIS

QUE ME FAZ ENCONTEAR O CÉU

QUE FAZ ME PERDER EM DELIRIOS

MEU HOMEM

QUE ME MANDA

ME DOMINA
ME DEVORA

MEU amor

QUE DIVIDI OS SONHOS

QUE ME ENCANTA
QUE
ME APAIXONO

QUE ME FAZ ME SENTIR FORTE

QUE ME FAZ ME SENTIR FRACA

MAS MESMO ASSIM SEMPRE SEGURA MINHA MÃO

BATISTA VC É TUDO EM MINHA VIDA

VC COMPLETA OS ESPAÇOS EM BRANCOS QUE OUTRAS PESSOAS DEIXARAM

VC ME FAZ FORTE ESTANDO COM VC

VC ME FAZ SENTIR feliz
QUaNDO ME MOSTRA OS CAMINHOS CERTOS

SOU UMA MULHER FELIZ

PQ VC ME FEZ ASSIM

SOU REALIZADA EM TUDO
PQ VC ME COMPLETA INFINITAMENTE
VC É MEU TUDO
EU
SEM VC NÃO EXISTO

EU COM VC SOU MUITO

AMO VC

Indefinível saudade!
Saudades do que não fui?
Ou do que não vivi?
Saudades do que não sei...
Sinto saudades de mim!
Perdi as asas ao caminhar.
Sozinha, no caminho sem destino,
sento e choro de saudades dos
anos que se foram e me deixaram aqui.
Dormi demais. A vida me sedou.
Sou mulher com vontades de menina.
Sai do prumo, estou sem rumo,
não sei para onde vou...
O espelho me diz que
está tudo bem.
Ele mente.
Vou quebrá-lo.
Superstição?
Quebrarei também.
Ninguém consegue me ver
além de mim...
Espero que ao menos
alguém possa me ler
nas entrelinhas, reticências,
aquém de mim...
Não sou poesia,
Nem poema.
Sou apenas alguém,
com saudades de si...


...Uma mulher é capaz de calar uma multidão com seu silêncio,
provocar uma tempestade num copo dágua,
Faz derreter um coracão com suas lágrimas !

Consegue sorrir diante da dor,
demonstrar sua coragem perante o medo e,
mesmo sem batom, dizer EU TE AMO com
toda intensidade do vermelho !
Porque o coração de uma mulher não bate, toca música, encanta !
E independente do ritmo, tem dias de samba, rock, tango...
Afinal seu coração sempre sussurra uma canção de amor!

Guardei-te num verso de saudade.
Era pra ser por pouco tempo...
Talvez um quarto de lua,
talvez uma noite de inverno.
Guardei-te com tantas minúcias
embrulhado em beijos de amor
com o cheiro de toda volúpia
que exalava de ti...
E o verso agora se estende,
não sei se poema ou fragmento
duma’lma pálida
feito entardecer sem sol poente...
E o verso turva meus olhos.
Era pra ser por pouco tempo...
Mas as lágrimas não foram embora.


Dentro de mim mora o animal
indômito e selvagem
que talvez te faça mal

talvez uma faísca
relâmpago no olhar
depressa como um susto
me desmascare o rosto
e de repente deixe exposto
o meu pior

em mim germina
uma força perigosa
que contamina
uma paixão vulgar
que corta o ar e que
nenhum poder domina

explode em mim
uma liberdade que te fascina
sopro de vida
brilho que se descortina
luz que cintila, lantejoula
purpurina
fugaz como um desejo
talvez te mate
talvez te salve
o veneno do meu beijo.

Por Ti, meu amor
Derrubei todas fronteiras
Abri muitos caminhos
Pulei todas as barreiras
Caminhei por entre espinhos
Entrei e saí do inferno
Tive dias de verão
Mas mais dias de inverno...

Por Ti, querido
Procurei todas as magias
Rompi as barreiras do tempo
Abriguei-me do vento
Tornei-me crente e descrente
E nessa vida de fantasias
Tentei tocar as estrelas

Tendo ao meu lado um astro
O sol que ilumina meu dia
A lua que brilha a noite
És meu claro e meu escuro
És do vento a mais bela canção
És o meu amor mais puro!
AMO-TE!!!!!!!

Não me queiras tarde, seja breve, meu bem!
O dia se finda, e a noite, vem chegando...
Ambiciona-me à luz, não me deixas chorando,
Porque ao crepúsculo já não serei ninguém!...
.
Nas sombras dos dias eu estarei te amando,
Nas trevas, minh’alma, vagueia ao além...
Os meus sonhos são sombrios, e a desdém
Sobre o meu leito branco me verás voando!...
.
De todos os dias, há um fim, pra se esperar...
E das rosas há apenas uma p’ra te entregar
A mais forte, de cor plena, a da minha paixão!
.
Seja breve, ó meu bem, não me queiras tarde,
Dentro de mim há um sangue quente que arde
No fogo extenso, da noite avara, dum coração!...

Amo-te

pelos elos e pelos nós
Elos que entrelaçam
Nós que não desatam

amo-te
pelos dedos e pelas mãos
Dedos que tocam
Mãos que acalmam

amo-te
pela luz e pela sombra
Luz que cheira infinito
Sombra que silencia o grito

amo-te
pelo eterno e pelo belo
Eterno na imensidão
Belo na paixão

amo-te

finalmente pelo amor
Largo
Intenso
Profundo
amor sem nenhum pudor.

Eu falo de amor sim
Falo e me calo
Choro e me perco
Acredito e sinto

Eu morro por amor sim
Me deixo assim
Com raiva de mim
Por amar sem fim

Amar não é saber
Nem tão pouco
Doer
Amar é sentir
É colidir,é atingir

Amar vem da alma
Não preciso ver
Só preciso ter
O gosto doce ou amargo
Do que vivi

Me permito somente
Ser assim
Um dia poesia
Noutro fantasia
E as vezes nostalgia.

...............


Eu falo de amor sim
Falo e me calo
Choro e me perco
Acredito e sinto

Eu morro por amor sim
Me deixo assim
Com raiva de mim
Por amar sem fim

Amar não é saber
Nem tão pouco
Doer
Amar é sentir
É colidir,é atingir

Amar vem da alma
Não preciso ver
Só preciso ter
O gosto doce ou amargo
Do que vivi

Me permito somente
Ser ass
Um dia poesia
Noutro fantasia
E as vezes nostalgia.

.................

Inocencia


Devolva-me a inocência perdida nos caminhos da vida...
Vêm me amar, não vês que te preciso?
Embriaga-me de amor...
Segura minha mão, me pega no colo,
Me leva contigo, te preciso...
Não me deixe aqui, não me deixa assim...
Tenho medo do escuro, você é minha luz, meu porto seguro...

Depois de ti voltei a acreditar em anjos, arcanjos, querubins...
Es meu começo, meio e fim...
Perdoa-me, mas só sei amar assim.

Mulher


Faço parte do coletivo de mulher
sou a mais santa das impuras,
a mais suja das puras
e inevitávelmente a mais incorreta
dos conceitos...
Mas sou unica
singular e própria,
as outras cada uma é uma,
cada uma um universo distinto...
Eu nem cópia tenho
e que dirá imitações...

Aliás se houvesse sería um pândemônio!

como quase sempre
visitou-me a saudade
e eu decidi ficar
detrás da janela
pensando em ti...

tentando resolver
o enigma:

De quantas formas
te posso não dizer
que te amo?

Eu tardei a entender que o tempo passou
fez raízes,flores e frutas e nada é como ficou,
fulgaz são os momentos que a saudade emoldurou.
Que o amor que carrego no tempo
minha alma eternizou,
foi curta aquela história com o final
de acabou.

Não percebi que a vida prosseguia
que eu em um certo espaço para você
já não existia.
Era só em mim que nosso amor vivia
que nessa minha expectativa se fortalecía,
não quis acreditar que morreu,
que nada mais de mim valía
terminou.

Tempo passou
e continuei a te querer,
com toda a força do passado
nessa saudade do presente.

O Que fazer se ainda te amo...

Meu tudo


Sinto-me presa em tuas mãos
De onde não consigo sair,
Faço forças, é em vão,
Tentar de teu amor fugir...

Ele grita em mim, é paixão!
Disfarço e finjo não ouvir
O que diz meu coração:
- Chegou à hora de desistir...

Teimo e sigo te amando,
Sonho teu mundo ser só meu,
Vasculho teu coração sonhando,

Vejo-o ocupado e não sou eu...
Acordo sozinha, e chorando
Queimo o amor que era só teu.................

Sempre estranhei
Porque ardia
No coração
Essa busca de não
Sei o que...

Até te encontrar e
descobrir
O mistério...

Eu não queria
Viver um amor...
Queria um amor
Me vivendo!...

Sou de lua! E você?

Minguo, cresço
Me renovo, me encho!
Sou da mata, da magia
Aquela que te mata de dor ou alegria.
Que te contagia, que causa saudade.
Sou a Deusa da noite, a mulher do dia.
Que corre com os lobos com a força de um urso.

Que não precisa de escudo.
Que voa com as borboletas
Aquela que diz tudo.
A menininha que dança
A selvagem que caça
A sedutora que não cansa
A senhora da graça.
Sou aquela que veio ao mundo para amar
Para viver e mudar
Sou assim, um caleidoscópio lunar.

Foi um sonho.
Um sonho que demorou para acabar;
Mas que infelizmente chegou ao seu fim;
Foi muita a dor que senti,
após este sonho ter se evaporado;
Senti o coração em pedaços.
As lágrimas, já pude conter;
Dentro do meu peito meu coração gritava.
Não pude mais agüentar, foram tantas as tristezas
que nem um pobre coração como o meu poderia suportar;
O choro sentido... Fazia com que minha garganta
se transformasse em um nó que jamais poderia ser desmanchado...
A marca dolorosa ficará comigo, mas ainda
guardo na memória o quanto fui feliz,
quanto neste sonho ainda existia uma esperança:
- “A esperança de um dia ter você só para mim!”.
Amar é um ato
Viver um fato
Existir uma obrigação
Lutar uma opção
Sonhar um desejo
Querer uma atitude
Amigos uma virtude
A vida é um conjunto de circunstâncias,
você escolhe!
Não esqueça que o sonho é o primeiro
passo para a realidade e lembre-se:
A felicidade é construída por momentos
e os bons momentos duram o tempo
suficiente para se tornarem inesquecíveis!

Eu te amo
Antes e depois de todos os acontecimentos
Na profunda imensidade do vazio
E a cada lágrima dos meus pensamentos.

Eu te amo
Em todos os ventos que cantam,
Em todas as sombras que choram,
Na extensão infinita do tempo
Até a região onde os silêncios moram.

Eu te amo
Em todas as transformações da vida,
Em todos os caminhos do medo,
Na angústia da vontade perdida
E na dor que se veste em segredo.

Eu te amo
Em tudo que estás presente,
No olhar dos astros que te alcançam
Em tudo que ainda estás ausente.

Eu te amo
Desde a criação das águas,
desde a idéia do fogo
E antes do primeiro riso e da primeira mágoa.
Eu te amo perdidamente