Loading...

terça-feira, 15 de junho de 2010

Amor de verdade


que será que sinto por você?
É uma mistura de amor e ódio,
Que vem em conflito,
Quero te amar, mas não quero sofrer,
E se no seu jogo eu entrar sei que irei me perder.

Estarei pedindo pra morrer,
Você não soube me amar,
Não sabe nem o que é o amor,
O que guarda é rancor.

Quero ser feliz,
Quero amar, sonhar, desejar...
Onde será que se esconde?
Por onde será que vaga?
Será que ela existe?
Perguntas sem resposta,
Sou um poeta abandonado,
Como um navio naufragado,
Digo até, que sou um homem desalmado.

Quero chorar na solidão,
Me afogar nas lagrimas da paixão,
Quero cair num abismo profundo,
Quero cair na realidade,
Deixar de vez a utopia,
E confiar na humanidade,
Enfim, quero um amor de verdade!

Nenhum comentário:

Postar um comentário